Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

MARÉ ALTA

porque a liberdade está a passar por aqui

Sobre Nós

Folheando as páginas da história da humanidade conseguimos verificar uma constante alternância de marés maiores ou menores, de maior ou menor liberdade, de maior ou menor prosperidade.

No início do primeiro milénio, numa maré alta de prosperidade para o Império Romano, Públio Cornélio Tácito disse: “Rara felicidade deste tempo, onde é permitido pensar o que se quiser e dizer o que se pensa.”.

Com muito menor esforço conseguimos enumerar uns quantos períodos de maré baixa no que toca à liberdade. Baixando a guarda, arriscamo-nos a assistir no nosso tempo à baixa-mar.

Maré Alta está grávido. Grávido de esperança, república e liberdade. Pela mão dos autores e autoras, que aqui podes visitar regularmente, assistirás a denúncias de atropelos à justiça e dignidade humanas. Assim como o que fazemos agora e o amanhã que sonhamos.

E sempre com a liberdade que nos foi ofertada a guiar a nossa vontade. A mesma que defendemos e que tentaremos preservar para todos.

Porque:                                                            

 

                                                              “Querer-se livre é também querer livres os outros.

                                                                                                                   Simone de Beauvoir